Seja Bem Vindo !!!

terça-feira, 21 de junho de 2011

Dança com as mãos: Guanyin de Mil Mãos



"Guanyin de Mil Mãos" – tradição budista em um espetáculo de dança

dança com as mil mãos

Em sincronia perfeita, mulheres e homens – deficientes auditivos –
 fazem uma esplêndida dança com as mãos.
China Disabled People’s Performing Art Troupe  – Grupo Artístico de Portadores de Deficiências da China – é o nome desse grupo, criado em 1987, para promover a igualdade de oportunidades para a expressão artística para pessoas com deficiência.
Guanyin de Mil Mãos é o nome da dança com mãos apresentada pela grupo.




Depois de sete anos de produção, a grandiosa dança Guanyin de Mil Mãos estreiou no Centro Nacional para Artes Apresentadas da China no início de 2011. A obra foi a mais recomendada da temporada de apresentações da Festa da Primavera deste ano, com grande expectativa de audiência.

O Guanyin de Mil Mãos, também chamado de Guanyin de Mil Mãos e Mil Olhos, é um importante buda. Segundo doutrinas budistas, as mil mãos significam a proteção universal à vida e os mil olhos, que ficam nas palmas das mil mãos, observam a todo o mundo. A estátua de buda começou a ser amplamente ofertada pela população na dinastia Tang, há 1.300 anos.
Na Festa de gala da Primavera realizada pela Televisão Central da China em 2005, a dança Guanyin de Mil Mãos foi apresentada. A obra, inspirada em uma estátua de buda, foi criada pelo famoso coreógrafo chinês, Zhang Jigang, e interpretada pelo Grupo Artístico de Portadores de Deficiências da China. Na dança, 21 moças e moços surdos imitaram os diferentes gestos do Guanyin, sobretudo com os braços e as mãos. A dança, a música exótica e, especialmente, o desempenho desses portadores de deficiência, fascinou os telespectadores.
O coreógrafo Zhang Jigang é um dos criadores e realizadores artísticos mais renomados da China. Ele foi o diretor-geral da coreografia da cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Beijing de 2008. Ele também produziu muitas outras obras de dança, elogiadas pela crítica, tanto no país, quanto no exterior.
Com o sucesso da apresentação na festa de gala, Zhang Jigang iniciou a criação e desenvolvimento de um espetáculo com o Guanyin de Mil Mãos como atração principal. Com seis anos de esforços, saiu espetáculo do Guanyin de Mil Mãos, que representa um grande avanço comparado com a dança original. Ao se recordar do processo de criação, Zhang Jiguang disse que nada foi fácil nos últimos anos e que, por várias vezes, quase abandonou o projeto. Ele nunca se sentiu tão pressionado como dessa vez. Em vez das pressões externas, a pressão veio de seu próprio coração, porque queria ser bem sucedido. 
"Tive uma angústia tão grande que nunca havia sentido. Fiquei desperado e finalmente consegui concluí-lo. Não queria repetir a façanha de outros nem o meu sucesso passado."
A nova coreografia relata uma lenda emocionante do budismo. Dizem que antigamente, o rei Miaozhuang tinha três filhas, Miaojin, Miaoyin e Miaoshan. Miaojin e Miaoyin moravam com os pais. Miaoshan se converteu ao budismo e vivia em um templo. O rei esperava que Miaoshan se casasse e que seu marido tomasse o trono. Porém, a princesa não seguiu a indicação do pai. O rei ficou muito zangado e mandou incendiar o templo onde Miaoshan morava. O incêndio também matou 500 monjes. Com o pecado imperdoável, o rei foi castigado. Ele ficou tão doente que nenhum remédio podia curá-lo. Três anos se passaram. Um dia, o rei ouviu dizer que sua doença poderia ser tratada com um remédio feito pelas mãos e olhos de suas filhas. Miaojin e Miaoyin não quiseram fazê-lo para socorrer o pai, mas Miaoshan ofereceu suas mãos e olhos. Finalmente, o rei melhorou. O céu ficou muito emocionado com a bondade de Miaoshan e a converteu na buda Guanyin de Mil Mãos e Mil Olhos.


O espetáculo de Zhang Jigang, que inclui o enredo e vários traços de dança, já encantou muitas pessoas com os efeitos visuais e sonoros realizados pelos dançarinos. Após assistir uma apresentação, um espectador disse que o espetáculo não tem paralelo.
"A técnica apresentada pelos dançarinos já superou a expectativa. O espetáculo Guanyin de Mil Mãos representa a beleza da coreografia chinesa. Estamos muito contentes com o fato de que essa maravilha seja apresentada para o mundo."

Postar um comentário

↓SÓ AQUI VC APRENDE MATEMÁTICA DE VERDADE! 13 AULAS SUPER EXPLICATIVAS DE MAT 1, 2 E 3. CONFIRA!

Concursos Públicos

STF: aprovados dentro das vagas têm direito à nomeação
Os concurseiros têm um bom motivo para comemorar. Em um ato histórico, o Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu que todo aprovado em concurso público, dentro do número de vagas previstas no ed l, tem direito à nomeação. A decisão foi unânime e irá vigorar em todo o território brasileiro. Tramita agora no Congresso, projeto que garante a nomeação dos classificados. Parabéns a todos pelas conquistas!

Estatísticas

Comentários
Comente também!

Índice de Postagens

O Relógio da Terra